O que visitar em Londres

1
311

Já faz tempo que estava devendo um post sobre Londres aos leitores do Viajar pela Europa. E a esta hora finalmente chegou o/ Ao falar com um amigo que me pediu informações, resolvi compartilhar as dicas por aqui 😉

Londres
Vista para o Big Ben, Londres.

Fui a Londres, em 2012, em plena época dos Jogos Olímpicos, a cidade que já é famosa pela superpopulação, estava ainda mais repleta de turistas.

Londres foi a primeira parada de um mochilão que fiz com minha amiga de faculdade, a Soraya. Fomos comemorar a nossa formatura e ainda incluímos no roteiro MilãoVeneza, Como e Madrid.

Urso "guarda real"
Urso “guarda real”, Londres.

Londres entrou para a minha lista Top 5 de cidades favoritas na Europa, pelos simples motivos: organizada, movimentada, cheia de festas e atrações, sem contar a educação dos moradores e a super atenção ao turista.

Para controlar a movimentação em virtude dos Jogos Olímpicos, nas estações de metro, havia guardas por todos os lados para evitar o tumulto entre os nativos e os turistas. Pelas estações também não há nada daquele empurra, empurra,  existe  um lado que é para quem vai entrar no metro e outro para quem vai sair. Por isso, lembre-se sempre de ficar do lado direito, seja para entrar no metro ou para transitar pela escada rolante.

Estação de metro em Londres
Estação de metro em Londres.

Essas e outras atitudes me deixaram as melhores impressões possíveis da cidade e dos ingleses.

O transporte público, apesar de complicado e com muitas linhas é bem sinalizado e funcional. Recebemos indicações de como ir para os locais que procurávamos e mais que uma vez chegaram até a nos levar no ponto de ônibus. Esse policial da foto além de nos dar informações ainda pousou para uma foto hehe

Gisele e Soraya com o Policial de Londres
Gisele e Soraya com o Policial de Londres.

6 dicas para aproveitar Londres

1  Do aeroporto para o centro: Viajei de Porto para Londres pela Ryanair. Chegamos no aeroporto de Stansted e de lá fomos de ônibus para o centro da cidade. O bilhete custa 6£ e a viagem dura cerca de uma hora.

Companhia de ônibus Terravision - Aeroporto Stansted - Londres
Companhia de ônibus Terravision, Londres.

2  Oyster Card: Para se locomover em Londres compramos o Oyster Card. Para 3 dias de “passe livre” na cidade pagamos o valor de 23£. Você pode comprá-lo on line antes da viagem ou na estação central, onde é a parada do ônibus Terravision Aeroporto/Centro. Nessa estação existem diversas máquinas, mas na duvida pode dirigir-se ao guichê para perguntar qual é o cartão indicado para os dias que você ficará na cidade.

A dica para a utilização do Oyster Card é que dê preferência para utilizá-lo no ônibus, já que em um período de 24h são contabilizadas apenas 4 viagens e as próximas viagens não serão descontadas. Se optar pelo metro, cada viagem será descontada. Entenderam?

Bus
Ônibus de dois andares e Big Ben, Londres.

3 – Pague 1 e leve 2: O site Days out Guide oferece duas entradas pelo preço de uma, para mais de 150 atrações na cidade. A oferta é válida para quem chegar a cidade de trem ou para quem utiliza o metro para chegar próxima da estação da atração onde irá. Entretanto, vale conferir no site direitinho as regras 😉

4  Faça um roteiro antes da viagem: Londres é muito grande e para a maioria das atrações é preciso se locomover através dos transportes públicos. Não há um tempo mínimo para conhecer os principais pontos turísticos, afinal, quantos mais dias viajando… melhor! De acordo com os seus dias disponíveis na cidade faça uma lista de atrações que deseja visitar, em seguida as ordene por ordem de preferencia. Se quiser ser mais detalhista no seu roteiro, estipule um tempo para dedicar a cada item do seu roteiro.

5  Seguir uma rota: No centro da cidade estão localizados o Big Ben, a London Eye, o Palácio de Bickgham, a Tower Bridge, a London Bridge… Reserve, pelo menos, um dia para visitar apenas esta área e aproveitar para programar a visita ao Palácio no horário da mudança de Guarda (às 11h).

6  Vai à London Eye? Compre o bilhete on line! Assim evita gigantesca a fila para comprá-lo e ainda ganha 10% de desconto. Quer mais?

7 – Faça couchsurfer: Ficamos hospedados na casa de um couchsurfer e foi essa a decisão que fez com que a viagem fosse ainda mais divertida! O nosso surfer foi um anfitrião muito atencioso e nos deu super dicas sobre a cidade.

Gisele, Soraya e o nosso anfitrião do Couchsurfing
Gisele, Soraya e o nosso anfitrião do Couchsurfing.

Onde se hospedar em Londres

Generator Hostel:  É uma rede com filiais localizados em 7 cidades (Barcelona, Berlim, Conpenhague, Dublin, Hamburgo, Veneza e Londres ) e com uma ótima relação preço e qualidade. Fiquei hospedada um mês no Generator de Dublin e adore! Organizado, badalado, ótima localização e ainda tem festas no fim de semana. Outros amigos que se hospedaram no Generator de Londres também gostaram! Se você já ficou por lá hospedado deixa um comentário 😉

Number 8: A viajante Naiara Back na primeira vez que foi a Londres, optou por ficar hospedada no Hostel Number 8. O hostel fica em um bairro, afastado do centro, mas  ela comenta apenas das vantagens e boa relação custo X benefício. O hostel além de oferecer um excelente atentimento, ótimo café da manhã (com direito a muffin, hummm), acesso a Internet, computadores free e sala de jogos, fica em cima de um pub, sendo esta a entrada principal. O preço é partir de 10€ por pessoa, em quartos coletivos.

Naiara na sala de jogos do Hostel Number 8 - Londres
Naiara na sala de jogos do Hostel Number 8, Londres.

Kensington Garden Hostel: Tem uma boa localização, fica próximo ao metro e ao park que leva seu nome. Entretanto, alguns dos serviços são pagos a parte (locker 2£, Internet 2£ a hora, mãe: não tem preço rsrsrs). Ocafé da manhã é simples (pães, geléias e cereais). O preço é partir de 18€, em quartos coletivos.

Tenterden Guest House: Essa hospedagem é uma opção para quem vai acompanhado! Algumas das facilidades são ótima localização, café da manhã e boa pontuação nos sites de busca de hotéis. Você pode encontrar diárias a partir de 30€ por noite, quarto para 2 pessoas.

Passou por aqui? Comenta vai! 😉

Leia também: Couchsurfing? Sim ou Não?, Hospedagem barata com conforto, Os Melhores Aplicativos de Viagem.

 Texto por: Gisele Almeida

Aproveite as melhores ofertas e reserve já o seu hotel!
468x60_reload-V2

Deixe Seu Comentário

1 COMMENT

Deixe seu comentário