Dublin

4
677

Sempre que pensava em viajar pela Europa, Dublin estava nos meus planos. Não me perguntem o  motivo, mas era lá que eu queria estudar inglês. E ao fim de 4 anos morando em Portugal, finalmente fui passar um mês por lá.

Área do Temple Bar
Área do Temple Bar, Dublin.

Ir a Dublin é estar preparado para tirar fotos com desconhecidos, conhecer muita gente nova e claro dançar muito pelos tantos pubs espalhados por toda a cidade.

Em outras palavras tem que estar preparado para se jogar nos bares, baladas e festivais de cidade, porque não existe outro sinônimo para Dublin senão FESTA!

O que visitar em Dublin

balada
Balada em Dublin.

Temple Bar: É nesse bairro de Dublin que se concentram a maioria dos pubs e discotecas. É a região onde localiza-se o famoso pub Temple Bar e vários outros com a mesma filosofia: música ao vivo, gente animada e muita cerveja.

E não pense que é só a noite, muitos bares têm música ao vivo também durante o dia.

parque
Parque Saint Stephen’s Green, Dublin.

Saint Stephen’s Green: É um parque natural em formato retangular, aberto ao público desde 1880 fica bem no centro de Dublin, bem próximo a Grafton Street, uma importante rua comercial da cidade.

No centro do parque encontra-se situado um grande lago onde pode-se ver algumas aves. O charme desse parque está situado bem em meio a uma grande concentração de lojas e ao passar pelo portão sente-se logo a quebra do ritmo citadino, transportando-se automaticamente para a calmaria proporcionada pela natureza.  Muita gente estudando, fazendo piquenique ou apenas descansando.

Assim bem no coração da cidade, entre uma compra e outra da para descansar rodeado de muito verde e ar puro. Ótimo neh?

Grafton Street:  Quem quiser aproveitar a estadia em Dublin para fazer compras a Grafton Street é uma rua comercial, trânsito somente de pedestres, muitos artistas de rua e lojas para todos os gostos. Outra rua comercial da cidade é a Henry Street.

Bar da Guiness Storehouse
Bar da Guiness Storehouse

Guiness Storehouse:  Apreciar uma pint de guinnes,  com uma bela vista sobre a cidade de Dublin e conhecer a história da produção da cerveja tipicamente irlandesa é o que se pode fazer na Guinnes Storehouse.

O prédio tem uma arquitetura bem particular e cada andar é dedicado a demonstrar uma parte da produção da Guinnes. Desde a receita, a qualidade da água, o tipo de planta/semente utilizado, locais de armazenamento, esclarecimento de alguns mitos: por que a Guinnes tem aquela cor ou textura?

Essas e outras questões que poderão ser entendidas com uma visita a Guinnes Storehouse. O preço da visita é de 16€ normal ou 13€ para estudante com prova de uma ‘pint of Guinnes’.

Onde se hospedar em Dublin

Generator Hostel: O Generator Hostel, localizado em Dublin 7, bem próximo ao Temple Bar District, é um hostel que traz a cultura festiva de Dublin para dentro de suas portas.

Com lotação quase sempre esgotada, o Generator tem um pub que, além de divertido, recebe todos os dias pessoas de todos os lugares do mundo e várias faixas etárias, os funcionários super simpáticos e o preço da acomodação é bem convidativo.

Esse hostel tem um pub, que aos fins de semana promovem festas, e tem duas salas com bilhar e um plasma que passa, por exemplo, os jogos da Champions League.

Eu recomendo porque durante o mês que fiquei por lá fui muito bem tratada, era hostel mas me senti em casa. E foi lá que fiz os amigos que fizeram toda a diferença nesse período que estive em Dublin.

6 curiosidades sobre Dublin

1 – No banheiro dos bares tem vários produtos de higiene e beleza. Ideal para ocasiões em que o desodorante vence no meio da noite… kakaka… Ah! E tem também uma senhora que fica no banheiro e te entrega o sabonete para lavar as mãos e depois a toalha. É comum dar gorjetas para elas. Pensou que toda essa gentileza era de graça? kakakak

2 – É quase impossível tirar uma foto sem uma pessoa no fundo, que você não conhece e no fim às vezes fica sem conhecer mesmo. srrsrs

3 – É muito comum ver pessoas fantasiadas pela cidade, principalmente nas despedidas de solteiros, ou porque tem festa a fantasia ou sem motivo mesmo. Eles gostam de se fanatasiar. Vai entender neh?

4 – Prepare-se para comer muito fast food: hamburguer, fish and chips, chicken and fries.

5 – Prepare-se para chuva, muita chuva!!! Mas é o tempo chuvoso que dá um charme a mais em Dublin. Nem a chuva e o frio prejudicam a animação da cidade.

* A Irlanda não faz parte do Espaço Schengen, mas por norma não há problemas com imigração.

6 – É extremamente comum passar a noite de bar em bar. Por isso mulheres! Deixem o salto alto em casa, pois irá caminhar por muitas ruas de pedra.

Nota: Tive uma das melhores recepções na imigração irlandesa, oficial simpático e educado. “Você deveria ficar mais tempo na cidade, vivem muitos brasileiros por aqui e em média ficam estudando inglês por 6 meses ou  1 ano. Pense nisso”, disse ele.

Procurando hotel em Dublin? Recomendamos Booking.com

Passou por aqui? Comenta vai! 😉

Texto por: Gisele Almeida

Aproveite as melhores ofertas e reserve já o seu hotel!
468x60_reload-V2

Deixe Seu Comentário

SHARE
Previous articleRéveillon em Paris
Next articleFim de ano em Londres

Jornalista, mineira, 30 anos, ariana e mãe da Nicole. Atualmente morando na Suécia.
Não acredito no impossível e quero fazer uma viagem de volta ao mundo com minha filha de quase 3 anos.
Conecte-se comigo nas Redes Sociais e faça parte dessa aventura!

4 COMMENTS

  1. Dublin é show de bola. O Temple Bar então, nem se fala, apesar dos melhores pubs da cidade ficarem longe de lá, com a exceção do Porterhouse Temple Bar, que é o melhor pub de Dublin na minha opinião, justamente por fabricar a própria cerveja. Abraços.

  2. oi! Estou indo passar o fim de ano em Portugal e ja quero emendar com um intercâmbio de um mês em Dublin. Você podia contar mais da cidade. qual escola estudou?
    A cidade tem boas atrações além dos bares?

    • Olá Isabela, ótimas escolhas: Porto e Dublin 😉

      A escola que eu estudei se chama SEDA Dublin, a cidade tem ótimos museus e é tem muitos passeios
      para os arredores como Belfast, Cliffs of Moher por exemplo. Tem várias empresas de fazem um bate e volta
      para esses lugares, ida e volta no mesmo dia. Essas excursões são ótimas para o fim de semana.
      Siga o Viajar pela Europa no Facebook que brevemente vamos escrever sobre os Cliffs 😉

      Boa sorte e Boa viagem!

Deixe seu comentário