La Tomatina

0
241

A cidade de Buñol, na Espanha, recebe cerca de 40 mil “guerreiros” para La Tomatina.

A Tomatina é uma grande guerra de tomates que acontece todos os anos, sempre na última quarta-feira do mês de agosto. A festa dura uma semana com músicas, desfiles, danças, jogos e até um concurso da melhor paella na noite anterior à Tomatina.

A festa que era pública desde 1945, neste ano teve algumas alterações. A empresa Spaintastic foi selecionada para realizar a organização do evento, tornando a festa privada. Para participar há um custo de 10€ por pessoa. Há também a opção de subir nos caminhões para atirar tomates em todo mundo por 750€.

Os ingressos podem ser adquiridos no site oficial La Tomatina 2013.

Preparamos algumas dicas para facilitar as estratégias de guerra para quem vai enfrentar muitas toneladas de tomate na La Tomatina 2013.

– Para chegar em Buñol você pode pegar um trem ou ônibus a partir de Valência. Há também excursões saindo de outras regiões da Espanha.

– O início da guerra é na Plaza del Pueblo e é marcado com o disparo de fogos às 11h.

– Antes dos arremessos de tomates  todos os guerreiros recebem baldes de água para tornar mais suportável as tomatadas.

– Nada de usar um pretinha básico, muito menos algo em tom de vermelho para disfarçar as manchas da guerra. A roupa mais adequada é aquela t-shirt branca que você nunca mais vai usar. rs

– O mesmo vale para os seus pés. Use aquele tênis velho que você nem lembrava mais que existia. Reforçar o nó no cadarço, também é uma boa estratégia, pois no meio de tantos tomates você pode ficar descalços.

– Óculos de mergulho completam o look de guerra. O ácido do tomate faz bem para a pele, mas arde muito os olhos.

– Se você não gosta do cheiro ou do gosto do tomate, providencie uma máscara. As chances de perdê-la ou de serem arrancadas de você são muitas mas pelo menos você estará protegido por alguns minutos ou segundos.

– Muitas fotos para registrar o seu ato de guerra em lançar tomates e manchar todo o seu corpo de vermelho. Por isso sugerimos que você utilize uma máquina a prova d’gua ou ensaque e amarre firme a sua digital.

– Nao é aconselhável  levar pertences de valores como: jóias, celulares, carteiras… é um risco para correr. No meio de tanta confusão você pode perder suas coisas.

– Há tomates para todo mundo, por isso, quando o caminhão passar por você, preze por sua segurança e mantenha uma distância apropriada dos cinco caminhões que estarão percorrendo as ruas repartindo os tomates entre todos os guerreiros.

– Mesmo com o clima de loucura da guerra, a única coisa que é permitido arremessar nas pessoas são os tomates, mas não seja malvado, é necessário esmagá-los antes de jogar.

– Um disparo anunciará que a Tomatina terminou, em seguida você poderá se lavar nos diversos chuveiros instalados pela cidade ou nos arredores do rio Buñol.

– Depois da guerra de tomates, até parece que nada aconteceu por Buñol, pois caminhões de bombeiros lavam as ruas com águas de aquedutos romamos. As casas e lojas por onde acontece a tomatina estão protegidas com plásticos.

– A proposta da guerra de tomates, que já virou festa é um convite para todos que desejam fugir da rotina e ter uma experiência diferente. Aproveite! E jogue tomates!

O viajante Nuno Gil, Estagiário na empresa PLAY Audiovisuais, portuga da cidade do Porto já viveu a loucura dessa guerra de tomates.

Nuno Gil com seus amigos antes de iniciar a La Tomatina 2012.

“A Tomatina acontece numa rua de descida, quando acaba você tem de subir uns 30 metros.

Para ficar limpo, utilizei um dos muitos chuveiros que ficam no início da festa, mas como estava muito calor depois pulei no lago.

Eu levei muitos tomates por todo o corpo, fiquei com a roupa toda vermelha. Perdi o controle com tomates por todo o lado e me envolvi com a guerra entre todo mundo.

A cultura da cidade e da guerra de tomates é muito bonito para visitar, mas como eu e meus amigos fomos com pouco tempo, acabamos por aproveitar somente a festa. Uma dica importante é levar a comida de casa e deixar no autocarro ou em um lugar seguro, porque as coisas são caras devido a época turística em que Buñol vive com a Tomatina”.

Passou por aqui? Comenta vai! 😉

Por: Naiara Back

Leia mais: Viajar pela Ryanair, Bagagem de mao, Como economizar em hospedagem com conforto.

Aproveite as melhores ofertas e reserve já o seu hotel!
468x60_reload-V2

Deixe Seu Comentário

SHARE
Previous articleAtenas – como chegar e o que visitar!
Next articleA crise fez bem ao Porto

Jornalista, mineira, 30 anos, ariana e mãe da Nicole. Atualmente morando na Suécia.
Não acredito no impossível e quero fazer uma viagem de volta ao mundo com minha filha de quase 3 anos.
Conecte-se comigo nas Redes Sociais e faça parte dessa aventura!

Deixe seu comentário