Parmigiano reggiano, o único parmesão! Veja como é visitar uma fábrica do famoso queijo italiano!

  • 0

Parmigiano reggiano, o único parmesão! Veja como é visitar uma fábrica do famoso queijo italiano!

Na minha viagem para a região da Emilia Romagna, na Itália, visitei uma uma fábrica de queijo Parmigiano Reggiano, o único parmesão! Uma experiência super enriquecedora que me fez conhecer o dia a dia dessas pessoas que trabalham com amor pela produção do famoso queijo italiano.

Parmigiano Reggiano, o único parmesão!

O Parmiggiano Reggiano é um famoso queijo italiano utilizado em diversos pratos da gastronomia mundo afora.

O primeiro Parmigiano Reggiano foi fabricado pela primeira vez no ano de 1200 nos mosteiros beneditinos na área entre o Rio do Pó e as montanhas Apeninas na Itália. Hoje, o famoso Parmigiano é um produto DOP (Denominacão de Origem Protegida), o que quer dizer que esse tipo de queijo pode ser produzido somente na região demarcada para sua confecção.

Vale lembrar que o selo Parmigiano Reggiano só pode ser utilizando num queijo produzido e processado no local de origem, ou seja, nas províncias de Parma, Reggio Emilia, Modena, Bologna e no oeste do Rio Reno e em Mantua.

Além disso o produto deve ser produzido de acordo com regras restritas impostas pela União Europeia. Essas regras foram criadas para proteger consumidores e produtores.

parmigiano reggiano, o único parmesão

Como é a produção de Parmigiano Reggiano?

O dia na fábrica de Parmigiano Reggiano começa cedo pois o leite utilizado na produção do produto deve ser fresco, sem conservantes ou tratamento de qualquer tipo.  Resumindo, sai diretamente da vaca para os caldeirões de preparação do queijo (haha).

Desde esse momento podemos observar que o trabalho ali efetuado é tão minucioso que até parece uma  uma dança cuidadosamente ensaiada.

parmigiano reggiano, o único parmesão

O leite chega em uma caminhão depois é transferido para os caldeirões de cobre e onde é adicionado um tipo de soro natural, seguido de um processo de cozedura. Passo esse que deve ser minuciosamente calculado já que o leite não pode exceder a uma certa temperatura.

Outra curiosidade é que, até a alimentação das vacas que produzem leite para a produção do queijo parmesão, segue um regulamento. Essas vacas se alimentam de ervas crescidas apenas no local de origem e certas rações são estritamentes proibidas. Medidas que garantem a qualidade do leite utilizado na produção do Parmigiano Reggiano.

A visita à fabrica segue também um pequeno ritual. Logo ao chegar recebemos uma espécie de bata e um protetor para os sapatos. Depois acompanhamos o início do processo ao longe.

parmigiano reggiano, o único parmesão

O ambiente que encontramos é bem familiar. As pessoas trabalham em sintonia so passo que seguem a risca todos os detalhes do processo de produção do queijo, elas riem, brincam e as vezes, até cantam.

Isso me fez admirar ainda mais esse passeio, já que foi possível perceber que eles são felizes em mostrar o seu trabalho, compartilhar sua experiência e fazem os visitantes se sentirem super a vontade, sabe? Como se fossem artistas no palco dividindo a alegria de mostrar todo seu tanlento.

Durante a visita aprendemos sobre todo o processo que envolve a produção do Parmigiano Reggiano e no final podemos provar alguns dos deliciosos queijos que foram produzidos ali.

Uma experiência que eu super recomendo!

parmigiano reggiano, o único parmesão

Agora você já sabe que o Parmigiano Reggiano é o único e verdade parmesão nunca mais vai comprar “gato por lebre”, não é mesmo?

Minha visita à fábrica de Parmigiano Reggiano foi parte do cronomogama de passeios do Blogville. A opinião é minha. 😉

Aproveite as ofertas da TAP e marque já sua próxima viagem pela Europa! Promotion 468x60
Aproveite as melhores ofertas e reserve já o seu hotel! 468x60_reload-V2

About Author

Gisele

Mineira, jornalista, ariana com quase 30. Adora desafios: o mais recente - ser mãe e continuar mantendo o ritmo de viagens. Já morou em Portugal, Irlanda e agora enfrenta o frio nórdico, vivendo em Estocolmo, na Suécia. Fluente em 4 llínguas e já está estudando a próxima. Não acredita no impossível e ainda quer fazer uma viagem de volta ao mundo!

Deixe seu comentário

Viajar pela Europa no Facebook

Hotéis

Booking.com

Instagram

Gisele Almeida em O mundo segundo os brasileiros

Receba nossas dicas imperdíveis para a sua viagem

Promotion 468x60 468x60_reload-V2
Close