Feira Medieval de Santa Maria da Feira – Portugal

0
125

Todos os anos Santa Maria da Feira é palco da maior feira medieval do norte de Portugal. O evento atrai portugueses e turistas estrangeiros, é realizado no Centro Histórico da cidade, onde este se “fecha” durante os doze dias medievais.

Sem dúvida alguma o a feira medieval de Santa Maria da Feira nos transporta para a idade média através de toda a sua recriação, onde nos leva a “viajar” à vida diária da nobreza e dos plebeus (pessoas da sociedade, que se dedicavam à agricultura e ao comércio), no reinado de D.Afonso IV, em 1325.

Feira Medieval

 

 

Este evento conta com mais de mil colaboradores,  e também encontramos com a participação de vários animais, para melhor retratar a época em questão. Este projecto diferencia-se dos demais pelo seu rigor histórico e pela dimensão que este apresenta.

O que podemos encontrar nesta feira que nos faça divagar no tempo? Ora bem, todos os participantes envolventes na organização, estão todos vestidos a rigor, apresentam várias encenações que retratam a vida quotidiana desse tempo. Pelas ruas medievais podemos assistir danças, malabaristas, cuspidores de fogo, músicos e ao grande espetáculo do castelo.

Feira Medieval

 

Como podem ver através desta imagem, as caracterizações são de uma perfeição, que só de olhar nos transportam automaticamente para a época. Confesso, que sou apaixonada por esta feira e que quando lá vou viajo sem dúvida alguma no tempo. Todo o envolvente nos faz sentir época medieval. É inexplicável!

Para além do que disse em cima, a feira medieval conta também com actividades como: “Pequenos o Guerreiro”, onde as crianças podem sentir-se pequenos guerreiros por instantes, fazendo jogos medievais de força física.

“Subida às meias”, aqui os pequenos guerreiros preparam a sua condição física escalando uma teia de rede.

“Banhos de S.Jorge”, retratam o ambiente cultural dos banhos públicos das donzelas. Os visitantes nesta atividade poderão desancar e relaxar, banhando os seus pés e posteriormente são convidados a beber um chá ao som de melodias de harpa.
Todas estas atividades têm um custo adicional de 3 reis, que são cobrados no próprio local.

Feira Medieval

Vamos ao que realmente importa?! Comida, claro! A feira medieval dispõe de uma praça de alimentação, bem típica da época. Podemo-nos deliciar com umas papas de sarrabulho,  caldo verde entre outras delícias típicas de Portugal. Mas o que é mais típico desta feira é as sandes (sanduíche) de porco e o pão com chouriço, tem também pratos misto que levam chouriço febra de porco e salsicha, ótimos como entrada.

Feira Medieval
O que comi, como podem ver, foi uma sande de chouriço, que por sinal estava ótima e bebi uma sangria. Porque viajar em terras de Santa Maria da Feira e não beber sangria e não comer pão com chouriço, não é ir à feira medieval. Imperdível!

Repare só que até os detalhes retratam o modo de vida da época. Um charme esse copo da de sangria, não acha?  Saiba que se quiser pode ficar com um copo como recordação, quem não quiser, apenas paga uma caução e no fim de beber vai devolver o copo e é-lhe reembolsado o valor do mesmo.

E quem resiste aos doces?! Bem, confesso que eu não resisto, sou louca por doces e então estes que são tradicionais e com aquele cheiro a medieval, é impossível resistir! Podemos encontrar vários doces, tais como, crepes na lenha, frutos caramelizados e o tão famoso pão-de-ló, que é de comer e chorar por mais.

Feira Medieval

Depois de barriguinha cheia, nada melhor do que ir fazer umas compras, naquelas barraquinhas cheias de artesanato. Adoro! Encontramos coisas maravilhosas, desde as flexas feitas em madeira a batons de cieiro artesanais. Em algumas barraquinhas, existe a possibilidade de ver os artesãos a fazerem peças únicas com aquele toque especial.

E o que tanto caracteriza esta época? O cheirinho místico do esoterismo e das bruxas a lerem as sinas, sem serem queimadas pela inquisição. Quem tiver a curiosidade de saber o futuro, poderá entrar na barraquinha das cartomantes ou se tiver alguma doença ou dor persistente, deslocar-se até à curandeira, que de certeza sairá de lá com uma nova sensação de bem-estar.

Feira Medieval

Para quem gosta de andar protegido do mau-olhado, encontra uma variedade enorme de amuletos, incensos e cristais.
O custo de entrada de segunda-feira a quinta-feira, 2 reis
Sexta-feira e domingo, 3 reis
Sábado, como é o dia que tem mais afluência, são 4 reis.

Depois existem as pulseiras, que dá entrada direta para todos os dias do evento. São vendidas antes, por norma em julho e custam 6 reis, durante o decorrer da feira também é possível adquiri-las por 7.50 reis.

Site oficial: Viagem medieval

E você, tem alguma dica sobre a feira medieval de Santa Maria da Feira?

As fotos desse post foram cedidas pela organização da Feira Medieval de Santa Maria da Feira.

Aproveite as melhores ofertas e reserve já o seu hotel!
468x60_reload-V2

Deixe Seu Comentário

Deixe seu comentário