Cracóvia

1
1154

Cracóvia foi a última cidade de um roteiro de 13 dias pela Europa do Leste em 2013. Confesso que além da Alemanha, a Polônia é um país que me atrai pelos acontecimentos da Segunda Guerra Mundial. Para quem assim como eu, gosta de história, a Polônia é uma aula a céu aberto!

Centro histórico com neve :)
Centro histórico com neve 🙂

Há muito da história de Cracóvia para contar: por ter sido um dos quarteis generais de Hitler, Cracóvia teve sorte e foi uma das poucas cidades poupada das destruições da Segunda Guerra Mundial.

A cidade teve seus os pontos turísticos preservados, com suas ruelas e praças medievais, além do seu rico centro histórico cultivado pela beleza de anos.  Cracóvia foi capital da Polônia por quase seis séculos até o ano de 1609, quando a corte e o Parlamento transferiram-se para Varsóvia. Além de possuir a segunda mais antiga Universidade da Europa é classificada pela UNESCO como uma das mais belas cidades do mundo e está localizada próxima de Auschwitz. Com tanta história não há motivos para deixar Cracóvia fora de um roteiro pelo Leste da Europa, certo?

Cracóvia é uma cidade cheia de sorte ;)
Cracóvia é uma cidade cheia de sorte 😉

Os pontos turísticos de Cracóvia são todos muito próximos uns dos outros, possibilitando encantar-se com a cidade caminhando.

Quantos dias ficar em cada cidade é uma dúvida de quem prepara um roteiro pelo Leste da Europa. Eu sou do tipo de viajante que sempre fica a sensação de “quero mais” de todos os lugares para qual viajo e nessa viagem dediquei apenas 48 horas para visitar Cracóvia pois era apenas uma conexão para a viagem a Auschwitz.

Como chegar em Cracóvia

Cracóvia está localizada a apenas 3 horas e meia de Varsóvia  e possui ainda opções de trem para várias cidades do Leste da Europa como: Praga,Viena e Budapeste. Pesquise as linhas ferroviária da PKP, se achar que o tempo de viagem é muito longo, opte por trem noturno.

Quando viajei para Cracóvia fui de ônibus saindo de Budapeste pela companhia Orangeways. A viagem custou 23€ e levou cerca de 6h, mas alguns amigos me informaram que a Eurolines oferece condições melhores para uma viagem pela Europa.

Se preferir pode ir de charrete, mas acho que vai demorar um pouquinho mais rsrs
Se preferir pode ir de charrete, mas acho que vai demorar um pouquinho mais rsrs

O que fazer em Cracóvia

Centro Histórico: O ponto principal do Centro Histórico é a Praça do Mercado (Rynek Główny). No verão há músicos de rua e simpáticos cafés a céu aberto e no inverno, mesmo com a neve caindo você encontra muitas pessoas por lá circulando, inclusive várias feirinhas. É por lá também que você poderá conhecer outros pontos turísticos como a Torre da Câmara Municipal e o Portão de São Floriano…

Dedique algumas horas para passear pelo Centro Histórico e apreciar os diversos pontos com estilo arquitetônico que indicam por si só a época de sua construção.

Duas características para o centro histórico de Cracóvia: pequeno e acolhedor :)
Duas características para o Centro Histórico de Cracóvia: pequeno e acolhedor 🙂

Mercado (Sukiennice): O mercado que divide a praça em duas, é bem antigo e foi reconstruído mais de uma vez. A primeira em 1555 após o local ter sido destruído por um incêndio, depois em 1875, quando foi reformado, assumindo um estilo veneziano. No seu interior funcionam diversas lojas onde você poderá encontrar todo o tipo de souvenirs. Os poloneses são bons negociantes, vale a pena pechinchar! 😉

20
A frente do mercado também entra para a coleção de fotos do cartão postal da cidade 🙂
O interior do mercado também tem o seu charme na arquiterura, mesmo que de forma simples
O interior do mercado também tem o seu charme na arquiterura, mesmo que de forma simples

Igreja de Santa Maria:  Ao lado leste da Praça do Mercado, com suas duas importantes torres góticas fica a Igreja de Santa Maria. Sua arquitetura medieval com detalhes barrocos exibe os painéis externos de cenas da vida de Cristo e da Virgem.

Perca-se no tempo observando cada detalhe observando a Igreja Santa Maria
Perca-se no tempo observando cada detalhe observando a Igreja Santa Maria

Castelo Reak: Em estilo renascentista, situado sobre o monte do mesmo nome e protegido pelas muralhas da antiga fortaleza medieval, foi construído na primeira metade do século XVI para servir de residência aos reis poloneses.

Castelo de Cracóvia visto de baixo
Castelo de Cracóvia visto de baixo

O acesso ao pátio é gratuito, mas nos restantes edifícios é necessário pagar para entrar. A visita inclui os Aposentos Reais, A Catedral de Cracóvia, o Covil do Dragão, os tesouros da coroa e uma coleção de armaduras. Informações referente ao horário de visitação e os preços podem ser encontradas no site oficial 😉

Interior do Castelo
Pátio do Castelo
Interior do Castelo²
Pátio do Castelo²
Interior do Castelo³
Pátio do Castelo³ com chuva 😐

Catedral de Cracóvia: A atual catedral de Cracóvia começou a ser construída em 1020, mas só foi concluída 350 anos depois, na segunda metade do século XIV. As muitas reformas pelas quais passou confundiram um tanto o estilo inicial da construção da catedral, que acabou ganhando detalhes barrocos. As capelas e sepulturas reais do interior da catedral guardam os restos mortais do Rei Kazimierz e interligado há um museu de peças sacras. Ficou curioso?

Se a frente da Catedral de Cracóvia é linda... como será o interior?
Se a frente da Catedral de Cracóvia é linda… como será o interior?

Rio Wisla: Do alto do Castelo você terá uma vista incrível para o rio. Contemple esta paisagem, principalmente se for no fim do dia! Entre o rio e o Castelo também há uma estátua de bronze de um dragão cuspindo fogo, o qual é símbolo da cidade.

Rio visto do Castelo de Cracóvia. Divirta-se tirando fotos deste cenário!
Rio visto do Castelo de Cracóvia. Divirta-se tirando fotos deste cenário!

O que beber em Cracóvia

O Centro Histórico está repleto de lojas especializadas em bebidas, pubs, bares e cafés, mas para provar as autênticas vodcas polonesa você deve ir ao Wodka Cafe Bar. Vai encarar? rsrsrs

Garrafas de vodca polonesa. Vai encarar?
Garrafas de vodca polonesa. Vai encarar?

Vá com calma! Nem tente provar toda a carta de vodcas que o país oferece, pois há mais de 100 opções. A minha sugestão é que você comece pelo copo resfriado de vodca de avelã – uma mistura de suco de maçã com vodca que custa em média 7PLN (1,70€)… Se quiser mais, peça sugestões ao garçom!

As vodkas jpa acabaram, mas a noite só começava rsrs
As vodcas já acabaram, mas a noite só começava em Cracóvia rsrs

Guia online de Cracóvia

Ficou com vontade de conhecer Cracóvia? Da uma espiadinha no guia online da cidade para assistir uma visita guiada a 360C!

Procurando hostel em Cracóvia? Recomendamos Booking.com

Passou por aqui? Comenta vai! 🙂

Leia também: O que visitar em Budapeste; O que visitar na Bratislava.

Texto por: Naiara Back

Aproveite as melhores ofertas e reserve já o seu hotel!
468x60_reload-V2

Deixe Seu Comentário

1 COMMENT

Deixe seu comentário